Talvez a vida seja assim…
um pequeno elo de energia,
alegrias, relações e colisões…

Talvez a vida seja assim…
cheia de pequenas vias,
veias, pulso e apagões…

Talvez a vida seja assim…
um pouco de cada, sinas,
sinais, raios e trovões…

Talvez a vida seja assim…
trechos da história, bordas,
cordas, notas e bordões…

Talvez a vida seja assim…
como ela é sem pausa,
continuar e botões…

Talvez a vida seja assim…
tão remota como o controle
sentado no sofá distante,
comandada por um ambulante
que não sabe se vai ou se fica
pra assistir mais um pedaço
do filme que ninguém sabe
dizer se tem fim.